DIREÇÃO

   A diretora do Colégio Estimoarte, Cátia Regina Silva, que atua na instituição há 37 anos. Sua função, além de diretora, é exercer a orientação pedagógica. Segundo ela, suas principais atribuições consistem em: fazer cumprir o regimento existente que determina todas as diretrizes da escola; manter em dia e encaminhar aos diversos órgãos, dentro dos prazos fixados, todo e qualquer tipo de documento; elaborar em parceria com a coordenação todas as circulares e encaminhá-las aos responsáveis; planejar e coordenar o sistema de matrícula, bem como o material necessário para esta metodologia e organizar o funcionamento da escola para a entrega aos responsáveis; planejar juntamente com a coordenação e assegurar o cumprimento dos dias letivos, das horas/aulas estabelecidas, da grade curricular e do calendário letivo da escola; acompanhar todos os assuntos técnico-pedagógicos (avaliação, competência de professores, organização das salas de aula, coordenação, biblioteca, cursos de ensino...);

               elaborar e providenciar materiais como agenda e outros; supervisionar a organização da secretaria e do cumprimento do Projeto Político Pedagógico da escola (PPP); juntamente com a coordenação,  cuidar da seleção de pessoal; promover e estimular  a capacitação do corpo docente e administrativo; oferecer grupos de estudos com os pais; formular o projeto pedagógico, onde todos são corresponsáveis; construir um currículo a partir da expectativa dos alunos, preparando estes para a convivência social, para acompanhar as mudanças históricas locais e culturais; comunicar com clareza à comunidade escolar o que a escola faz e para que ela serve, por meio das mídias sociais, da discussão e do diálogo, em  todos os momentos das atividades escolares; definir o que a escola pretende  no futuro e como fazer para chegar lá.

A finalidade e as estratégias (calendários letivos, atividades extraclasse) da escola devem estar claras no projeto pedagógico (direção e coordenação). Contudo, podemos citar aspectos positivos e negativos em sua função. Conforme a mesma, educação tem que estar no “SANGUE”. Somar experiência, competência e habilidade fará do diretor um Gestor de qualidade em que os aspectos positivos serão aqueles que foram conduzidos de forma ética e justa. “Diria que positivo é quando você consegue dormir tranquilo com a certeza que a missão foi cumprida.”, expõe a diretora. Como a vida é cíclica, os profissionais também são, portanto, todos os momentos são desafios para serem superados. Sem dúvida o PPP é o condutor de todas as áreas. A ESCOLA DA INTELIGÊNCIA é um programa que o colégio adotou para complementar o desenvolvimento dos alunos. Este objetiva a educação das emoções e o desenvolvimento da inteligência, contribuindo na formação integral dos alunos, preparando-os para desafios sociais e profissionais. A metodologia abrange a Educação Infantil - 4 e 5 anos, o Ensino Fundamental - 1° ao 9° ano e  o Ensino Médio -1° ao 3°ano. O material da Escola da Inteligência inclui matérias impressas, recursos multimídias, dinâmicas, atividades, capacitações e formação continuada, que culminam em uma aula por semana.

            A expectativa do Colégio Estimoarte é buscar uma filosofia e uma prática construída nos referenciais teóricos metodológicos de Piaget, Vygostsky, César Coll e Emilia Ferreiro. Com a base no exposto, fundamentamos uma proposta que emerge da vida, com a seriedade e a vontade de um ideal de quem busca mais do que apenas aprender a ler e a escrever. Uma proposta calcada no saber construído pelo aluno como o sujeito da própria aprendizagem. O importante é a fundamentação teórica que buscamos para que haja mudanças na prática da sala de aula. As mudanças ocorridas são principalmente no conhecimento que o professor precisa ter, conhecimento de COMO SE DÁ O PROCESSO, pois os objetivos, o planejamento, as atividades adequadas são fundamentais para o ensino. A psicogênese da língua escrita, desenvolvida por Emilia Ferreiro e Ana  Teberosky, possibilita desviar o centro de trabalho do professor para o ser que aprende e a sua relação com o objeto de aprendizagem.   Conhecendo os diversos níveis conceptuais linguísticos, é possível criar atividades para que ela possa desestruturar a sua concepção e construir o conhecimento da base alfabética da escrita. A análise do discurso, a sociolinguística e a linguagem não verbal são contribuições de estudos de linguagem que fundamentam o trabalho de compreensão, produção, multiplicidade de textos, ortografia e gramática como instrumentos de comunicação. Propiciam o uso funcional da linguagem num processo de interação, argumentação e visão crítica da realidade. Suas principais atividades didáticas são centradas em projetos e resolução de problemas; atividades deverão trabalhar a partir de projetos, brotados da vivência dos alunos e de seus interesses ou necessidades; com atividades e tema atualizados e contextualizados; aulas participativa e/ou com formação de grupos heterogêneos, local de reflexão e de situação de aprendizagem. Prevê atenção especial aos aspectos afetivos da criança, uma vez que podem facilitar ou dificultar a aprendizagem, dependendo dos vínculos estabelecidos no processo de construção do conhecimento; ambiente rico e estimulante onde irão se desenvolver atividades auto estruturantes para o aluno; ambiente de interação, com atividades para que o aluno aprenda explorando e experimentando.

Quanto às condições físicas, o Colégio Estimoarte possui: dois espaços (prédios) distintos; um onde está localizado o Ensino Fundamental (do 6°/9 ao 9°/9 ano) e Ensino Médio (prédio antigo com salas de jogos, secretaria, direção, administração, banheiros, pátio aberto, cantina, biblioteca, sala de rádio, salas de aulas, laboratório de ciências, sala de coordenação, laboratório de informática; e outro (prédio novo),  onde se localiza a Educação Infantil e ao 5°/9 ano do Ensino Fundamental  e o complexo esportivo com academia de natação, salas de aula, sala de artes, sala de professores, sala de judô, sala de ballet, estacionamento, cozinha, playground, ginásio de esportes coberto, banheiros.

O professor tem uma função muito importante, pois é dele o contato direto com os alunos, observando suas dificuldades, suas diferenças, encaminhando quando necessário á coordenação pedagógica para que uma análise junto ao conselho faça encaminhamento aos especialistas.Enfim, a escola precisa ter um corpo docente capaz de buscar soluções para os conflitos existentes, deve ser suficientemente qualificado ou que venha em busca da capacitação. Aqueles que melhor se capacitarem poderão transformar a qualidade de ensino. Quanto às formação, os profissionais possuem licenciatura em letras (português, inglês, espanhol), matemática, física, química, biologia, história, geografia e educação fisíca, além da formação em pedagogia, biblioteconomia, serviços social, nutrição, música, administração, direito, engenharia logística, sistema de informação. Vale ressaltar que destes profissionais, 37% possuem pós-graduação, dos quais 7% são mestres e 4%  doutores.

A escola está sempre aberta para OUVIR, oferece reuniões, cursos, palestras, meios de comunicação virtual (Facebook, Instagram, fotos de aulas, web acadêmico, clip escola, whatsapp , e-mail, agendamentos no “fale conosco”).



                                                                                                         Cátia Regina Silva

                                                                                                       Diretora Pedagógica